Notícias

Quando a prevenção não existe e os direitos são ignorados

ReportGenitalMutilationGuinea capa 200x135

"Um novo relatório da ONU divulgado no final de abril diz que, apesar de ser proibida pela legislação nacional e internacional, a mutilação genital feminina (MGF) continua a aumentar na Guiné Conacri. No estudo refere-se que 97 % das raparigas e mulheres com idades entre 15 a 49 anos a viver naquele país africano foram submetidas ao corte dos órgãos sexuais externos.".

Violência Doméstica, implicações sociológicas, psicológicas e jurídicas do fenómeno – Manual pluridisciplinar

ebook ViolenciaDomestica CentroEstudosJudiciarios CIG capa

Conheça a mais recente edição do Centro de Estudos Judiciários: “Violência Doméstica, implicações sociológicas, psicológicas e jurídicas do fenómeno – Manual pluridisciplinar”.

Aprovada proposta de lei da PMA - Procriação Medicamente Assistida

gravida 200x200

No passado dia 21 de Abril, em votação indiciária no Grupo de Trabalho da PMA - Procriação Medicamente Assistida, os partidos de esquerda aprovaram a alteração que, sendo aprovada, permite o acesso de todas as mulheres a técnicas de fertilidade.

Image courtesy of hin255 at FreeDigitalPhotos.net

. Moçambique - Estratégia Nacional para a Prevenção e Combate ao Casamento Infantil

logo PDFactor Portugal 215x70

A P&D Factor, membro da Girls not Brides, congratula-se com a aprovação por Moçambique de uma Estratégia Nacional para a Prevenção e Combate ao Casamento Infantil. 

EIGE disponibiliza Base de Dados de Estatísticas de Género

EIGE

O Instituto Europeu para a Igualdade de Género (EIGE) disponibilizou uma base de dados de estatísticas de género – Gender Statistics Database -, cujo objetivo é dar acesso a estatísticas e outra informação sobre o estado da igualdade de género entre mulheres e homens na União Europeia.

"Mulheres no Trabalho: Tendências 2016" – Relatório da Organização Internacional do Trabalho (OIT)

relatorio OIT mulheres no trabalho capa 150x200

"Mulheres no Trabalho: Tendências 2016" – Relatório da Organização Internacional do Trabalho (OIT) onde se refere que os significativos progressos alcançados pelas mulheres na educação, nas últimas duas décadas, não se traduziram numa melhoria comparativa na sua situação no trabalho.

Está em... Home arrow Notícias Notícias